terça-feira, 25 de agosto de 2015

Prateleira Reciclada

Quando decorei a cozinha há poucos anos, estava longe de imaginar que os meus gostos iriam mudar tanto. Na altura, queria um espaço colorido e mimoso. Agora só consigo gostar de um espaço assim se for dedicado a crianças.

Fizemos pequenas remodelações na cozinha: pintura e montagem de um tecto falso - que irei mostrar num outro post - mas havia um cantinho junto da zona de refeições que também precisava ser revisto: a prateleira fuchsia com os quadrinhos com tecido Tilda.


Estas prateleiras são baratas, mas estava-me a custar comprar outra e ter que fazer mais uma série de furos porque possivelmente a estrutura não iria ser compatível. A cor já não era muito apropriada e então experimentámos pintar, já que tínhamos os produtos necessários.

Desengordurámos bem toda a superfície e aplicámos um spray para promover a aderência de plásticos (o mesmo utilizado nas letras magnéticas), já que o laminado era fora do comum e assemelhava-se a PVC. A tinta usada foi um esmalte acrílico acetinado de cor branca, da marca Luxens.



O acabamento ficou muito bom, e assim já pude usar a prateleira como um elemento arquitetónico neutro em vez de mais um elemento decorativo. Tudo sobressai mais!






O poster foi adquirido via Etsy. O pote em cobre e o vaso branco/dourado são da H&M Home.

Boa semana!



Pin It Now!

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Nós por cá todos bem!

Se por um lado me soube bem esta pausa, por outro já sinto saudades de escrever no blog.
Obrigada por todas as mensagens e emails perguntando se estamos bem. Estamos todos bem. E não, não vou desistir de publicar e partilhar no blog. Estivemos de férias e fizemos umas remodelações cá em casa. Irei partilhar essas e outras novidades.

Até já!




Pin It Now!

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Tabuleiro em Mármore


Idealizei este tabuleiro para a cozinha, mas na verdade ele é bonito para qualquer divisão: no quarto, para os perfumes e bijutarias; na sala, para colocar umas velas ou uma jarrinha com flores... Acho que vou usá-lo de diversas formas!

Encomendei uma pedra em mármore tipo carrara com as medidas pretendidas. Pedi para fazer dois furos para os puxadores e um bisel pronunciado em toda a aresta superior.


Os puxadores que utilizei são da Zara Home, em latão. Depois de colocados, foi necessário cortar o excedente com uma serra para metal. Levou também quatro daquelas protecções que se colocam nos pés dos móveis.




A cozinha é um dos locais onde passo mais tempo diariamente, e é por isso que começo a olhar para esta divisão com outros olhos. Tentar torná-la mais bonita dentro do que é possível e descobrir quais as alterações que posso fazer para melhorá-la são coisas que têm levado o seu tempo mas que até estão a correr bem. Brevemente espero poder mostrar tudo.




Boa semana!


Pin It Now!

terça-feira, 2 de junho de 2015

Mesa de Cabeceira Antiga Reciclada

Esta é uma mesinha de cabeceira antiga que vi num anúncio e que consegui trazer por 10€.
O tampo estava um bocadinho danificado mas como eu queria mesmo substituí-lo isso não foi problema.


Já temos duas mesas semelhantes a esta em cor, feitio e idade, em que mantivemos a originalidade e apenas efectuámos o restauro, mas desta vez não queria algo tão escuro e, convenhamos, sisudo.

Arrancámos o tampo, retirámos os puxadores e lixámos muito bem toda a madeira. É necessário remover muito bem toda a cera e sujidade de anos e anos de uso para que as tintas agarrem bem. Demorei uma tarde inteira a fazer isto.




O primário e a tinta foram aplicados à pistola. Costumamos usar a marca Luxens (do Leroy Merlin) que na generalidade tem uma boa relação qualidade/preço. A tinta escolhida é acetinada, aquosa (para ser mais fácil de limpar os utensílios do compressor). Usei o branco nº 0.




Depois de aplicado o primário, passei uma lixa muito fina nº 1000 em toda a superfície para promover a adesão da tinta. Depois deste passo é necessário limpar muito bem as poeiras.



Para o tampo, tive a ideia de fazer uma coisa diferente: encomendei um tampo em mármore à medida. Escolhi um tom clarinho do tipo carrara. Para fixar usámos uma massa tipo cola e veda da UHU.


De início pensei em trocar os puxadores mas os originais até tinham uma certa piada, só precisavam de ser limpos. O latão estava muito escurecido mas bastou esfregá-los com um esfregão verde para ficarem dourados e brilhantes. Aproveitámos os pregos originais que tínhamos retirado com cuidado.



Já com um visual fresco e renovado:






Boa semana!

Pin It Now!