quarta-feira, 20 de Agosto de 2014

Viver mais lá fora

Este ano estamos a usufruir muito mais do nosso espaço exterior.
Infelizmente não tivemos férias este ano, mas minimizámos isso aproveitando as temperaturas amenas para fazer muitos grelhados e refeições no exterior, ler um livro enquanto os miúdos brincam na piscina ou simplesmente estender um bocadinho ao sol sem ter que sair de casa.

O terraço precisa de ser todo arranjado, mas por agora tratámos da área mais próxima da cozinha.
Usámos a tinta Cin Nováqua HD no tom Branco Taj Mahal para o muro. A tinta até dá gosto aplicar: cobre muito bem (mesmo) e fica perfeita em duas demãos.


A mesa de refeições também estava em muito mau estado. As cadeiras do conjunto ainda estavam piores e já não havia muito a fazer por elas. Este ano substituí-as por um modelo económico Ikea e gostei muito da combinação madeira/branco.





Mal posso esperar para ter o terraço todo branquinho (porque o reflexo na janela continua deprimente...).
Mas esta amostra já permite viver muito mais este pequeno espaço e incentiva a meter mãos à obra para terminar o resto.
Continuação de boa semana!

Pin It Now!

quarta-feira, 13 de Agosto de 2014

Raposa do Deserto :: Carvão e Acrílico

Depois do chão vitrificado e das horríveis paredes de mármore ocultadas, é a vez dar destaque à composição de molduras por cima da cómoda.

A primeira moldura, a maior, tem uma carga abstrata um pouco séria e severa. Resolvi contrabalançar com uma temática mais colorida e divertida até, adaptando o desenho a carvão do meu marido - a raposa do deserto, ou feneco - e produzindo um desenho de traços mais simples e alguma cor.

Ainda pedi ao meu marido para desenhar (uma vez que o original é dele, e em comparação o meu seria obviamente medíocre) mas ele não tem tido tempo nenhum e respondeu-me que eu podia muito bem fazê-lo.

O meu está visivelmente admirado, pudera...!


Depois testei numa folha cores e aguadas. Não tenho aguarelas (tenho mas são de má qualidade) e foi por isso que usei tinta acrílica, que funcionou muito bem para o propósito.


Quando me decidi quanto à cor, pintei uma espécie de faixa com um ligeiro efeito gradiente.





O resultado é esta raposinha divertida e eclética.
A moldura foi reaproveitada e pintada de branco. Não tem uma medida padrão, pelo que tive que improvisar e colocar uma cartolina cinza no fundo (branco não porque não consegui o mesmo tom do papel). Talvez a troque no futuro por uma com passepartout.


Pin It Now!

segunda-feira, 11 de Agosto de 2014

Uma Solução para os Mármores da Entrada

Certa vez apelidei a entrada da nossa casa de A entrada mais feia de Portugal.

Há uns anos optámos por cobrir os feios mármores (maiores culpados de tamanha fealdade) com papel de parede. Ficou muito giro mas resultou mal: com o passar dos anos o papel começou a descolar por toda a parte ficando com um aspecto lastimável. Ainda tentámos reparar o estrago mas o papel começava a descolar novamente.


O diabrete cumprimentava-me todas as manhãs.



Há pouco tempo decidi-me por uma solução mais simples e económica do que qualquer revestimento: pintar simplesmente o mármore.
Para retirar o papel não foi necessário nenhum tratamento prévio: as folhas saíram inteiras sem esforço nenhum (ao menos isso).
Limpei e desengordurei muito bem a superfície. Apliquei um primário multi superfícies da Leroy Merlin e em seguida uma tinta acetinada resistente à lavagem e a bolores (a entrada é um pouco húmida) - Robbialac Advance. Pedi conselho sobre a tinta (seria necessário aplicar tinta de azulejo?) e foram-me indicados estes dois produtos com a garantia de bons resultados.
Após uma demão de primário:


Algumas demãos depois consegui obter uma entrada mais luminosa, harmoniosa e suave, convidativa como eu acho que deveria ser. O branco suporta muito melhor a pesada cómoda.






Os sulcos dos intervalos entre os mármores foram tratados mas ficam sempre a ver-se. De futuro conto colocar um friso na separação com a parede e ripas estreitas a ocultar os sulcos, dando a ideia de lambrim. Também será colocado um rodapé.
A floreira (também em mármore...) está em stand-by. Será que devo pintá-la com a mesma tinta ou criar uma coisa diferente? Estou com vontade de a pintar (excepto o rebordo).

Boa semana!

Pin It Now!

segunda-feira, 4 de Agosto de 2014

Instagram

Não sou muito dada a tecnologias, nem sequer sou dependente do telemóvel,  mas estou a gostar de brincar com o meu novo smartphone e com algumas aplicações completamente novas para mim.

O Instagram é uma delas, e adoro o facto de poder partilhar e guardar instantâneos do meu dia de forma tão simples (o meu antigo telemóvel mal dava para tirar fotografias).
Se quiser pode acompanhar-me através do meu username carla.st.




Boa semana!

Pin It Now!